domingo, 21 de agosto de 2011

A importância do Power house

Durante uma aula de Pilates, o instrutor sempre pede para contrair uma região denominada centro de força ou power house, esse centro é composto pelo conjunto de musculos abdominais, pelvicos e lombares.


Em estudos recentes, sabe-se que qualquer movimento corporal repercute na região sacro pélvica. Por esse motivo, temos a tendência de sobrecarregá-la, forçando em excesso a região lombar, além de adotar más posturas que aumentam a probabilidade de aparecer alguma lesão. A sua debilidade ou sobrecarga pode desencadear transtornos e dores na musculatura, nas articulações e nervos, como lombalgias, hérnias de disco, dores ciáticas etc.
Portanto, é importante termos em mente que se procurarmos manter esse centro físico bem protegido, tonificando-o e adquirindo uma postura melhor, ganhamos mais qualidade de movimento, diminuiremos o risco de termos futuras patologias, conseguimos um aspecto físico mais harmonioso e elegante.
Esse "centro de força", a que Pilates faz referência constante, relaciona-se à busca pelo centro chamado " Tan Tien" ou "Hara" (centro de energia), nas artes marciais orientais, que há muito tempo, têm consciência da sua importância e elaboraram uma infinidade de exercícios e técnicas para seu desenvolvimento e fortalecimento.
Desde a China antiga, com o chi kung e as artes marciais, até a India, com a ioga, essas técnicas,foram se alastrando para o Japão e toda a Ásia. É ali onde adquirem fundo filosófico e religioso, pois a sua cultura está impregnada de espiritualidade.

Joseph H. Pilates trouxe essas disciplinas para perto do Ocidente, mas sem fundo espiritual do Oriente e adaptadas à mente prática ocidental. Também podemos encontrar referências do costume de proteger essa região central do corpo aqui na nossa cultura e em quase qualquer parte do mundo. De fato, é costume colocar faixa para proteger a região lombar para os trabalhos no campo, também vemos isso em cinturões de couro largo, faixas de neoprene etc., usados em tarefas que causam sobrecarga excessiva em academias, para levantar pesos. É cada vez mais comum médicos, fisioterapeutas e treinadores esportivos recomendarem que se fortaleça essa região.Os exercícios do método Pilates começam sempre desse centro de força.
Para desenvolver todos esses musculos de modo equilibrado, é necessário um trabalho de muita precisão. Os musculos mais profundos e, por isso, mais dificeis, exigem mais concentração na hora de se executar os exercícios. Conceitos como o de empurrar o umbigo na direção da coluna são de vital importância na hora de realizar os exercicios com precisão, para se obter um bom resultado.
Depois de algum tempo praticando Pilates, começamos a mudar a forma de sentir cada ato realizado e tomamos consciência de como se movimentar e se posicionar, o que irá repercutir na autocorreção da postura, evitando problemas nas costas, e irá nos dar mais condicionamento físico, tanto para aumentar o rendimento esportivo como para a vida em geral.
O papel que esse método desempenha é uma ferramenta imprescindível, que devemos levar sempre conosco, para assim obter uma melhor qualidade de vida física e mental.

Fonte: Livro - PILATES Por JOSE RODRIGUEZ

Nenhum comentário:

Postar um comentário