segunda-feira, 11 de junho de 2012

CORPO EM FORMA SEM MUSCULAÇÃO


Barriga sequinha, passando por músculos fortes, firmes e alongados,perfeita postura corporal, articulações mais saudáveis, melhor controle respiratório e aumento da tolerância ao estresse. 

Fonte: http://sarasuane.blogspot.com.br/
              


Uau! Não é atoa que o Pilates está conquistando mais adeptos a cada dia.



Expire pelo nariz e solte todo o ar pela boca semi aberta, sentindo seu abdômen encolher ao máximo - como se o umbigo fosse colar nas costas - e as costelas fechando em direção ao centro do corpo, repare que a sua barriga fica retinha e a cintura afina. Pena que dure só até a próxima respiração! Você pode, porém, preservar esse momento mágico para sempre ao praticar o Pilates, porém é necessário ficar sempre atento aos movimentos respiratórios e a postura, controlando o corpo, você irá conquistar uma postura alinhada e bem distribuída com a respiração adequada tudo entrará no eixo e você sentirá seu corpo mais esbelto e bonito."Os corpos treinados pelo método são fortes, alongados, flexíveis e saudáveis, sendo tonificados e alongados ao mesmo tempo, de dentro para fora, mas dentro do limite de cada praticante".

"A postura melhora muito e os movimentos se tornam elegantes", garante Alice Becker (Instrutora e proprietária do Physio Pilates, estúdio em Salvador - BA).

Para quem não gosta do ambiente agitado das academias, com poucos profissionais para prestar atenção em todos os alunos,o Pilates é ideal, pois permite um corpo malhado sem puxar ferro, com poucos alunos por hora, sendo uma aula personalizada, dedicada à cada aluno individualmente deixando sua silhueta nova em três meses, dependendo de cada aluno.

Passamos a conhecer melhor o corpo e seus limites, conseguindo desenvolver um autocontrole de seus movimentos, ganhando mais condicionamento para o seu dia a dia.

Tanto nos aparelhos quanto no solo, o Pilates é uma ginástica livre de impacto e que respeita a individualidade. Os aparelhos ajudam a posicionar os alunos iniciantes e, ao mesmo tempo, para desafiar os experientes. No solo, os exercícios exigem ainda mais do praticante, que tem de controlar o seu próprio corpo, porém, pode ser facilitado com o uso de equipamentos como bolas e elásticos.

Por dar ênfase à correção postural e ao bom alinhamento das articulações, o método é indicado também para o tratamento de lesões na coluna, joelhos e ombros, entre outras.

A base do método é o centro de força, composto principalmente pelos músculos do abdômen, região lombar, quadris e glúteos. O centro de força permanece contraído, dando sustentação para movimentação solta, fluida, das pernas e braços. Precisamos controlar o centro de força durante toda a aula, pois é ele que mantém estável a coluna vertebral, evitando lesões. Para fazer os movimentos, a aluna tem que estar sempre atenta, concentrada.
Fonte: http://www.revistapilates.com.br/


Com o treinamento, o cérebro registra as informações e a postura exigida para os exercícios é assimilada automaticamente no dia-a-dia. A barriga fica lisinha e a cintura afinada para o resto da vida, o posicionamento correto da coluna protege de lesões e dores.

Joseph Pilates, estudou técnicas orientais como a ioga para desenvolver seu método,e descobriu que o centro de força controla não só os movimentos do corpo como também as emoções. O método interfere no bem-estar e ajuda a combater o estresse pois trabalha o controle da respiração, fundamental para manter a postura durante os exercícios, além de acalmar a mente e a ansiedade.
Não é à toa que o Pilates virou mania.


Fonte: http://www.cintia.marski.org/metodo/artigos/28-sarado
          
          

Um comentário:

  1. Olá amada. Faço parte das BUS identificação 26 passei para conhecer e seguir o teu blog. Lindos seus trabalhos, que Deus te abençoe sempre.
    Espero a tua visita no meu cantinho. Beijos fique com Deus
    Luciana
    http://trabalhosemevadalu.blogspot.com.br

    ResponderExcluir